16 outubro 2014

Garotas de vidro

Título: Garotas de vidro
Autora: Laurie Halse Anderson
Número de Páginas: 256
Compre: aqui.

Lia e Cassie são amigas há anos, ambas congeladas em seus corpos. No entanto, em uma manhã, Lia acorda com a notícia de que Cassie está morta, e as circunstâncias de sua morte ainda são um mistério. Não bastasse isso, Cassie tentara falar com Lia momentos antes, para pedir ajuda. 

. SOBRE A ESTÓRIA .

Tudo começou em uma noite de festa de de final de ano, quando Lia e sua amiga Cassie ainda eram pequenas, elas prometeram a si mesmas serem as garotas mais magras do colégio. Não a mais bonita, nem mais inteligente, mas as mais magras. Essa promessa que parecia boba e infantil perdurou mais do que deveria. Cassie dava força a Lia, Lia dava força a Cassie até o dia em que o inevitável acontece: Cassie é encontrada sozinha morta em um quarto de motel, logo após ligar 33 vezes para Lia. A morte da jovem amiga abalou as extremidades da vida de Lia. Ela se martirizava por não ter atendido as ligações. A ideia de que: você a deixou sozinha, acabava com a garota.

Em meio a toda confusão interior e exterior, Lia passa a ouvir vozes e ver imagens que aterrorizam sua mente todos os dias. Seu relacionamento com seus pais e madrasta é extremamente complicado. A única com quem vemos a personagem manter um lindo carinho é sua meia irmãzinha: Emma. Sua família quer ajudar, todos sabem que ela precisa de apoio, comida e remédios, ela diz que não precisa. Quando na verdade é mais do que isso, ela não quer engordar. Lia não suporta a ideia de engordar. Ser magra é ser forte. Ficar cada dia mais magra é a sua meta. Ela quer ser pura, ela odeia calorias.
  .POR FIM . 
Bem, distopias sempre são um desafio pra mim. Sempre assemelho esse gênero à fantasia. Só que um pouco mais denso. Eu tinha muitas expectativas sobre garotas de vidro mesmo sem saber o que esperar. Inciei o primeiro capítulo e fui lendo até quando percebi que estava praticamente perto de fim. Parei, respirei e refleti. Esse livro me deixou com uma sensação agonizante. A cada página lida crescia em mim uma aflição interior que não sei ao certo explicar. Lia me irritou muito. Cassie também. Eu simplesmente não conseguia entender como uma pessoa desejava tanto emagrecer, se eu mesma sofro pra caramba pra aumentar um quilo se quer, (mas isso é assunto pra outro post). Então, apesar de tantas sensações incomodantes, eu preciso admitir que garotas de vidro é um livro marcante. Do tipo que te irrita, mas que não te possibilita largar um minuto se quer. A autora consegue transportar o leitor pra dentro do livro, algo (pra mim) essencial. Não existe aqueles acontecimentos: UAU CARAMBA! Mas a narrativa incrível compensa tudo isso. Se recomendo garotas de vidro? Com certeza! Nada como um choque de realidade em forma de livro.

Quem ai já leu garotas de vidro? Quem gostou? Quem sente vontade de ler? \o/

Besitos e gracias ♥ 
                                                       

15 outubro 2014

Entre Poesia, Momentos & Afins #2




Escrita Expressiva

Eu escrevo ao som da música.
Também escrevo ao som da dor.
Escrevo palavras que anseiam tornar-se sentimento, e amor.

Escrevo como quem compõe uma obra
Com precaução ao escolher cada parte
Escrevo como artesão ao tecer sua arte

Escrevo como quem lamenta
Como aquela que entre suspiros remenda
Pedaços esparsos da alma.

                                                                       

14 outubro 2014

6 on 6: Vícios meus - atrasado!





















































Eu sei, pessoal. Sei que o blog está bem abandonadinho, que o 6 on 6 está suuuper atrasado, e eu também sinto a falta de vocês. É que está acontecendo bastante coisa esses dias. E o Enem está aí. Preciso estudar né? E muito! Mas vamos ao post, certo? Prometo vir com novos posts urgente! 

1- O Primeiro vício qual é? Livros! Este livro da foto é o que estou lendo no momento! Comprei ele na luz e vida, assim que li o título agarrei ele em meu braços e decidi levar. Resultado? Estou amando profundamente!

2- Segundo vício assumido: Celular. Não vivo mais sem ele, gentxe! Tem meu whats, meu insta, mais de 50 livros no aldiko, enfim! Não passo o dia todo presa a ele, mas ele precisa estar sempre perto de mim. Imagine como eu fiquei quando ele quebrou três vezes seguidas! Me senti totalmente perdida! Hahaha Mas isso é história pra outro post também!

3- Bíblia. Não sei se posso classificar meu livro preferido de todos como vício. Sei que o primeiro vicio já foi livros, mas a bíblia é muito mais que um livro pra mim. É uma espécie de alimento pra minha alma. E eu lhes afirmo, não consigo dormir sem ler nem que seja um versículo dela todos os dias! Contei mais sobre isso nesse post aqui.

4- Perfumes! Sou viciada em perfumes e só saio de casa bemmmm perfumada! Esse é da lacqua e eu amo o cheirinho!

5- Escrita. Ahhh quem não sabe que sou viciada em escrever? Fala sério que essa já é velha, né? Pois é. Mas precisava estar aqui. Vocês podem ver mais desse meu vicio nessa tag aqui: Escritos. :)

6- E pra terminar... VESTIDOS! Gente sou fã de vestidos! Meus looks preferidos são sempre vestidos, seja estampado, liso enfim... Me sinto diva-arrasando- com eles! ;)

E os vícios de vocês quais são? Me contem nos comentários!
                                                                                                             

06 outubro 2014

A utopia que era nós dois

Um nó preso na garganta, lágrimas fugitivas, e uma dor inquietante no peito. Essa é a composição da confusão que você causou em mim. Não, não é simples. Não, não é fácil. Não, a culpa não é minha. Incrível como você sempre quer se sair de vítima, cara. Arranja sempre uma desculpazinha arás do armário ou debaixo da cama para me incriminar. 

Mas dessa vez chega. 

Não quero saber se você canta bem. Se seu sorriso é bonito. Se sabe cozinhar, e tocar violão ao mesmo tempo. Esse detalhes perdem a importância quando volto meus olhos para a dor interior que se instalou em mim. Eu quero ser livre, sacou? E vou ser. Já fui idiota e te aceitei como queria que eu aceitasse. Já engoli muitas respostas furadas para não te desagradar. Já suportei fingir que não sabia de nada para continuar com a droga - que você chama de amor- que hoje é um veneno em minhas veias. 

Só que caramba, uau, passou!

Eu era cega pra caramba por querer você apesar de tanto sofrimento. Perdi tanto tempo achando que a felicidade estaria ao seu lado, que hoje me chingo mentalmente por ter sido tão burra. Eu era apenas mais uma conquista daquelas bonitinhas e cheirosinhas que não dá vontade de largar, e muito menos de valorizar, claro. E até que achava esse lance engraçadinho, não era? Oushe, eu estava vivendo um conto de fadas bruxas e não percebia? Mas nada melhor que eu um dia após o outro, mesmo. De uma hora pra outra a gente acorda, né? 

Se vai doer? Já está doendo. Vou pensar que vou morrer? Vou. Mas passa. Sempre passa. Tudo passa. Até mesmo a minha utopia sobre nós dois. Eu acreditei que você seria o príncipe que me faria casar de véu e grinalda em uma igreja enorme com um sermão de 60 minutos do pastor. Só que antes disso tudo, eu acordei. E cara, descobri que você não passa de uma perereca. 

                                                                                                         

05 outubro 2014

Eu preciso de Ti


Ó Deus, eu preciso de Ti. 

Quantas vezes não repeti essa pequena oração? Quantas vezes abafei o choro em frente as pessoas? Quanta vezes chorei até encharcar a almofada? Quanta vezes olhei para céu pedindo a Tua paz maravilhosa? Quantas vezes no meu interior eu gritava Seu nome quando a dor invadia meu peito? 

Quantas e quantas vezes, Deus. 

E o Senhor sempre estava lá. Me segurando em meio aos soluços, acariciando meu cabelo suavemente e sussurrando palavras de força. O Teu amor sempre esteve presente mesmo quando eu pequei, mesmo quando eu teimara em fazer minha vontade. O Senhor sempre foi o meu refúgio quando o erro me trouxe à consequência. Só em Teu colo eu pude fechar meus olhos e encontrar companhia que sara a dor e arranca a agonia do peito. É incrível Deus, tua fidelidade e teu amor por mim. É algo tão profundo que não tenho palavras para explicar minha gratidão por tudo que fizestes e continuas a fazer.

E mais uma vez eu te peço, esteja comigo. Todos os dias. Em todos os momentos. Preciso de Ti, preciso da Tua graça. Minha alma é Tua, e eu sempre pertencerei a Ti.